As pessoas são o património mais valioso

Valorizando o património social local, encontra-se a decorrer até dia 25 de maio, no Jardim do Cerco, a 5.ª Mostra Solidária. O certame, que apresenta a edição mais participada de sempre, realiza-se, este ano, com uma dupla vertente: social e saúde.

Na sessão de abertura, que contou com a alegre atuação do Coro Infantil da Escola Básica Prof. João Dias Agudo, da Póvoa da Galega, o Presidente da Câmara Municipal de Mafra salientou o notável contributo das instituições sociais, inspirado na nobre missão de fazer o bem, concluindo com um “sentido agradecimento, em nome da comunidade do Concelho de Mafra, a todos aqueles que, nas nossas instituições, personificam a generosidade, a abnegação e o altruísmo”.

O evento apresenta um novo conceito, contando com a participação de 50 entidades e projetos locais, divulgando o meritório trabalho desenvolvido por 32 Instituições Particulares de Solidariedade Social do Concelho e englobando o Mafra Sénior, o encontro anual de promoção do exercício físico para cidadãos com mais de 55 anos, com a participação de utentes do Movimento é Vida e de grupos convidados de Odivelas e Benavente. Decorrem, em simultâneo, rastreios de saúde por profissionais de instituições/ entidades locais.

O programa da “Mostra Solidária”, que se prolonga amanha, dia 25 de maio, das 10h00 às 18h00, engloba dois workshops sobre vida saudável (importância do sono; preparar lancheiras saudáveis para a escola e/ ou trabalho), atividades físicas e animação musical.

As pessoas são o património mais valioso